pesquise no blog

sexta-feira, 3 de julho de 2015

Relatividade

Você consome drogas
você bebe álcool
Você pega táxi
mas também ônibus
Você pedala a bicicleta
come banana
e bebe Coca Cola
Você dorme na sua
e em outras camas
Você joga o lixo no lixo
e a guimba do cigarro
no chão
Você tem respeito
e educação
mas ontem você perdeu tudo
e se permitiu ser grosseiro
Você foi lindo
e breve, foi passageiro
Ouviu as músicas clássicas
e as nem sequer músicas consideradas
Você ficou no tempo
e extrapolou as medidas
Você gozou dentro
e fora das camisinhas
Você sente dor
e toma a medicina
Você sente dor
e deixa a dor doer
Sua voz é baixa
mas apenas quando convém
a você
Quer dizer
o que está acontecendo?
Você é mais maleável
do que o vento.

Alguma instabilidade te participa
e não venha com explicações insensatas
ou sabidas demais.

Não se explique hoje, ao menos hoje,
não. Sem explicações.

Durma paradoxo
Duro e ciente
de que a vida
é mesmo
trama de enzimas
e ribominas
nibocinas
e traquininas.

Entendeu?

Viste?

Eu também não.

Nenhum comentário:

Postar um comentário