pesquise no blog

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Agudo

Eu havia esquecido
que poderia vir até aqui
e simplesmente dizer
qualquer coisa que me fizesse
durar mais um pouco.

Eu me esqueci, eu não lembro
Me desculpe, por ter me deixado em paz
me desculpa por ter pedido que me deixasse
Eu me esqueci como é sentir você aqui
eu estou sem mim
também sem mim.

Eu se esqueci, em ti eu fiz
o maior rol de ficções que alguém jamais foi capaz de criar
Eu me esqueci e em ti me larguei
como se pudesse assim ficar
cravado
como desejo seu e não corpo meu se oferecendo a servir
de fato a alguma coisa
que não conseguimos juntos criar.

Me desculpa, são palavras
ao invés de outra coisa.
São ficções meio bombas
porque não significam nada
mas lendo aqui o que te escrevo
você pode acreditar
que é para ti
que é sobre nós

Mas não
sobre nós a gente fala
somente quando um sob o outro
estiver
sobre nós a gente fala somente
quando um sobre o outro
estivermos juntos
ainda que em separado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário