pesquise no blog

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

sobre ela

tá ruim
tá viciada
não sabe a que veio
não sabe mais de nada
tá repetida
tá na mesmice
tá chutando tudo
amando a qualquer coisa
tá inflamada
mas é mentira
eu sei
é mentira
quer chamar atenção
quer se ter piedade
- sem dizer
quer ser comentada
- sem merecer
quer tudo o que não pode
mas no íntimo
espera
- ansiosa -
absolvição de si própria
espera o verso redentor
a sacada genial
espera quem sabe um outro autor
que lobotomize o original
e a faça
nascer
de novo
possante.
é tão ingênua
é tão dramática
e inoperante
que me faz escrever nela mesma
todos os seus sonhos
como se escrevendo
oh como estou sofrendo
fosse me dar medo
fosse me dar pena
fosse me dar câncer
mas não
não colou nem colará
ela tá boba
tá perdida
e eu não vou a procurar

um dia eu caí aqui
nela perdido
hoje eu já não quero desmentir
nem mentir
sim, dela eu preciso
mas para quê?
eu não ouso tentar
para quê? não importa
eu vou continuar
e ela
ela vem junto
sou eu quem mando nela
infelizmente
ela sugere a mim
querendo me fazer triste
e desolado

eu vou embora
depois eu volto
talvez no meio
eu pense
eu pense, de fato
ter ela razão
e eu nada
exceto sua vaga
companhia.
eu nada exceto sua vaga,
hoje vazia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário