pesquise no blog

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

Por que você escreve?

Você sabe por que
o céu avermelhado
anuncia que haverá morte
no dia seguinte?

Sabe por que, você,
a sobremesa azeda
se a colher que a tocar
tiver tocado a boca sua?

Sabe por que, mesmo sabendo,
você continua querendo entender?

Sabe por que eu fui casar
com outro que não com você?

Você sabe?

Então me explica:
por que eu sou eu e não você?

Talvez
lá no obscuro de uma noite quieta
você possa desvendar porque
algumas notas de um violino
têm o poder de acariciar
a alma.

Você não entende o que possa ser Deus
e quer me exigir o porquê de eu escrever.

Amigo
Eu escrevo
Porque assim como você
Eu não desaprendi
A doer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário