pesquise no blog

sábado, 25 de dezembro de 2010

Inadapto

Como fosse
aqui acontecendo
não eu nem o agora
como estivesse aqui
acontecendo
a parte não escrita da minha própria história.
Vejo que tudo não passa do mim
que escolheram para saciar a falta
deste eu
que sim sou eu
mas assim,
amado pelo tempo
bem quisto nas curvas de tormentos e frações mil,
sim, eu não sirvo para interpretar o eu que não fui em mim.
E que dor é esta da inaptidão.
Eu queria poder sorrir e ter nisso mais que simples alegria.
Eu queria poder sorrir e te fazer ver
que dor carrego aqui dentro comigo.

----------
Enviada do meu celular Nokia

Nenhum comentário:

Postar um comentário