pesquise no blog

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

decisão

está tudo acertado
se o ano nascer pálido
volto a ele no vigor dos meus dias
por sobre o ânimo apaziguado
por sobre o controle e a apatia
hei de ser mais do que fui
hei de intensificar a ousadia
sobre as coisas
e sobre as peles

não saberia ser de outro jeito
tenho apenas 23 anos
e o mundo para mim
ainda tem jeito.

está tudo acertado
comigo primeiro
está tudo certo
amanhecerei pleno e potente
disponível ao tombo
e a dor
disponível às aberturas forçadas
que necessárias forem para o futuro

está hoje tudo certo
a utopia do futuro sou eu quem faço
a sorte, eu quem dito
tudo em mim eu apuro
e digo,
certo como agora o faço,
que o dia de amanhã será melhor
e mais possível ao imenso e inexplicável
fato

existir é sim esse ir para fora de mim
é esse imenso ir para dentro das coisas
e nomes,

existir é desde sempre em mim essa fuga
de mim mesmo para adentrar no universo
presente em cada gota
deste silêncio

que eu convido à rima
no trepidar das teclas
e no marejar dos olhos

nada mais serás indiferente à poesia.

venha dançar, eu te chamo
não tenho medo
pois então venha,
vamos nos desautorizar e fazer canção.

você me escuta?
então venha,
eu vou de qualquer forma
mas digo
eu digo
- e sinalizo -
com você tudo então
será mais divertido.

estava tudo acertado,
só faltava um você.

e agora, josé?
vamos?

Nenhum comentário:

Postar um comentário