pesquise no blog

sábado, 25 de abril de 2009

o corpo é via

E expressa
no percurso de si mesmo
uma ou outra contradição

O corpo é via
por ele sobrevivem outros corpos
nele outros saltos se impedem
certas verdades já vencidas se procriam
e a eternidade é mera e docemente
possibilidade
concreta

No corpo-via
passam-se coisas transtornadas
Não seria corpo
não seria nada
não passasse por si
a vida assim
em processo de autofagia
desesperada.

Estou sozinho neste momento.

Estou mesmo?

Meu corpo é via
via para mim extravazamento
com as letras que eu desejo
com o controle que em mim eu tento
nisso meu corpo é via
e via por percursos ora acelerados demais
ora mesmo muito lentos

nisso é via meu corpo
e no atropelar do dia via
o corpo
se afunda em agonia
para ter sobre a pele
alguns segundos a mais
de paz

outra via aparentemente
incapaz,

posto seja fulgás.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário