pesquise no blog

sábado, 19 de dezembro de 2015

um sorriso ontem

esqueci o motivo
mas foi sorriso, eu sei
eu lembro, foi sorriso

não lembro nem quando
ali, talvez, na travessia
não lembro, mas sei
estava eu numa imensa
avenida

e sorri
assim
sem dar satisfação
sorri como sorrira antes
sorri como se não houvesse nada

exceto o instante.

e não havia
não houve
nem tem que haver
eu sorri
porque me percebi em mim
como faz anos
eu já não consegui mais
reconhecer.

e sorri, portanto
sorri pronto
ontem, eu sorri
e hoje eu canto
só isso
simples desse jeito
um sorriso ontem

e o mundo hoje
quente
aberto
me comovendo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário