pesquise no blog

sábado, 10 de outubro de 2015

Reincidência

Sobra feito gosto amargo
Feito fantasma
de um não todo ido
Passado,
Sobra feito multa tenaz
Feito culpa e punição
que se canse o corpo
Ou não.
Um dia eu lhe disse:
o que posso fazer?
Você vive com fantasmas.
O que posso fazer?
E hoje eu vejo
Que sou eu a viver
Amaldiçoado
Por ausência sua
Suave, mas enfadonha
Eu e seus fantasmas
Tentando fazer a curva
Sem uso de bruxarias.
Não deu
Não darás
Não sei mais
Conservo em mim
A noção do supérfluo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário