pesquise no blog

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Aos poucos

A nitidez dos traços vai ficando confusa
e deixa um gosto impalpável
e de duração curta.

Pouco a pouco
o nariz já não busca
nem sequer o corpo se exclama
em ereção.

Bem lentamente
a poeira começa a se acomodar
nos pontos que já há algum tempo
ela não tinha como se deitar
porque alguém dormia ali.

Com calma, é verdade
o coração agora faz preces
desejando sorrir no distante
que a mente concebe
compreende
mas que não vê a hora

de logo chegar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário