pesquise no blog

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

poeirinha

sobre os dedos
por entre as fibras
do corpo
e da garganta.

hoje cedo
a neblina invadiu a casa
e os livros
os potes
as canetas
lâmpadas
e roupas (ao chão
deixadas)

ficaram assim:

apavoradas.

tudo bem,
o gerente diz
tudo bem
ele se diz

para disfarçar sua confusão.

por que é preciso disfarçar?

a sujeira voa
plena
não há possibilidade de maquiar
a sua imensidão.

ela é hoje ruína
e amanhã,
memória.

deixa.

deixa a poeira bailar tranquila
ela faz parte de ti
ela é seu corpo
sua mente suas horas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário