pesquise no blog

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Ponta

Acende a cabeça e germina o chão
Oco, o corpo gira cabisbaixo
Neblina lá em cima
E aqui tudo suspenso
O que foi perdido voltará um dia?
O que se perdeu é algo que se tem
Para sempre
Ao contrário do que ainda não conheci.

Alta memória me eleva ao chão
De costas
Rebobinador de mundo
O amor

É só uma fruta que demora a germinar
Sendo comida muito rápida.
Nao é o tempo secura
É apenas raiz dançando em terra asfaltada

Demora
Demora
Demora
Até que estala.

Nenhum comentário:

Postar um comentário