pesquise no blog

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

sempre +


me pede que eu te escrevo rimas lindas.

é só pedir
vem
me fala
me faz poema

que eu te faço em poesia.

pego pelos cabelos finos

passo a mão no ventre, tímido

e toco
passo a passo
frase a frase

a sua odisseia cheirando a desejo.

me pede!
que eu venho
e te sejo!

te puxo a língua
e lhe dou nó
no beijo

e assim
feito ponto
não facultativo

seremos um ao
outro
obrigados.
agradecidos.
colados enternecidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário