pesquise no blog

segunda-feira, 6 de junho de 2016

Borboleto

Eu cortei a ponta do dedo

Tu disses que estarias mas não esteves

Ele nem falou nada
Ela sempre na lata

Nós seguimos, nós tentando

Vós seguireis mesmo sem sentido

Porque eles
Tudo porque eles acham
Que elas não têm direito

Engano general
É erro fatídico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário