pesquise no blog

domingo, 6 de abril de 2008

Cotidianos

Hoje eu acordei tarde
Sem pressa
Sem alarde

Fiz o que o meu corpo pediu
Andei pela casa
Nu e destemido

Andei pela rua
Cantando e andando
no compasso da música
que ouvia

Fui ao supermercado
Comprei frutas biscoito
e café

Hoje eu varri o quarto
Limpei o banheiro
Lavei as louças

Estive só por todo o dia
E pouco escutei a minha voz
pouco estranhei não ter azia

Passaram-se as horas
e nisso eu pensei criei desenhei

As horas passaram
e adiante eu segui
construindo um futuro
um abrigo
meu ninho

Hoje o dia passou
e me levou junto

Como se nos seus braços
eu deitasse justo
e quisesse apenas
seguir
sem medo de cair
ou não ir

Hoje o dia me levou
ao sabor dos ventos
até o topo de meus sentimentos
e nisso
eu cresci.

3 comentários:

Dominique Arantes disse...

vivendo sem medos !

adorei!

beijocass

Rodrigo Calafange disse...

incrivel

Caio disse...

crescer com o dia a dia.
taí.
=*

ig.

Postar um comentário